3 de junho de 2013

Balacobaco


 
Viver e aproveitar a vida é do balacobaco.

A cada um de nós, cabe analisar o que significa aproveitar a vida. O conceito é amplo e singular. 
Importante aproveitar do jeito que escolhermos ou então que façamos logo as escolhas.
Balacobaco para mim é escrever, deliciosa ação e interação. Saborear as palavras, as letras, colocar ideias para serem compartilhadas. É quase o prazer de vieiras - não posso falar a palavra que me dá água na boca. Um prazer que sinto pelas extremidades, olhos e boca.

Vieiras que comi em Mônaco à beira da praia no restaurante La Note Bleue.
Só a ideia de que há vieiras, só a ideia de escrever me anima os sentidos.



A foto fez você sentir o mesmo prazer? É uma festa de alegria, semelhante a um Ano Novo.
Balacobaco, sinta o percurso nas suas veias das palavras que balançam as estruturas. Chega ao coração.

Balacobaco pode ser tantas coisas como:

1. Criar seus desafios. Como pular de um prédio de 108 andares e achar o maior barato como eu, porque criei um desafio que, a princípio nunca teria a audácia nem a impetuosidade de realizar. Realizei e indico desafios. Conquistas muito minhas guardadas no peito.


2. Estar alinhado com você mesmo e com suas metas. E dizer ok, sou feliz, por isso estou aqui. Alimentar sua alma com sorrisos seus, de seus sonhos.


3.  Viajar. Ver outros mundos,  outras terras, outras culturas. Entender que somos planeta, não somos apenas sua casa. Não só ver como entender o outro, os outros e diferenças. Aceitar o novo, voltar no tempo ou ir adiante no tempo. Ser atemporal e cidadão do mundo. 


4. Recomeçar todos os dias. Depois do escuro da noite, vem o claro do dia. Sempre há saída. O mundo está cheio de possibilidades e janelas de oportunidades. Como disse o sábio e maravilhoso Chico Xavier.



5. Perder-se para se achar (pontualmente, entendam-me bem). Permitir loucuras no entendimento da ideia de potencialização da força. Abrir para a loucura para, depois dela, abrir seus horizontes. Tirar os freios momentaneamente.


6. Gostar-se amorosamente. E apaixonar-se perdidamente por quem você é, o que faz, o que representa. Olhar no espelho e beijar de verdade a pessoa que você se tornou. 


7. Ir com vontade e chegar com euforia. Comemorar no melhor estilo de parabéns para você. Perceber que você merece um agrado, porque chegou lá e não arrefeceu. Bater palmas para você com   fervor. Você merece.


8. Mergulhar fundo. Quando se decidir por um caminho, mergulhar fundo como no filme A Imensidão Azul. Ir de encontro aos seus objetivos seguido de sua decisão. E, no encontro, estabelecer contato com seu interior e com onde quer chegar.


9. Relaxar o corpo e a alma. Andar sobre as águas. Ornamentar-se de natureza e brisa. Sensibilizar-se  pelos cheiros, imagens e sons. Sem mais. Contemplar o que vê a sua volta.


10. Ser campeão da própria vida. Não esperar dos outros e do futuro a aprovação e a premiação. Conceder-se o direito de vencer. Não delimitar seu mundo. Entender que o sucesso é você que cria dentro dos seus sonhos. E os sonhos você realiza. 


Eu realmente confio na força das palavras e de cada um de nós. Eu confio plenamente em mim, confio em você. 
Sou do balacobaco. Tenho o maior orgulho disso. Seja do balacobaco também.

Vamos balacobaquear.

Beijos orgulhosos.

MAIS RECENTES

ASSINE POR EMAIL

Copyright © 50 COISAS ANTES DOS 50 - VERA LORENZO

Todos os Direitos Reservados