16 de abril de 2013

Parada pela contingência

Quantas vezes nos deparamos com uma parada emergencial? Parados pela contingência, enquanto queremos nos mover adiante. Simplesmente lidar com o inesperado e de paladar duvidoso e irritante.



Aqui estou eu obrigada a compreender o caos da American Airlines que se instalou hoje pelo país inteiro. Queria chegar ao Brasil, escrever e falar das minhas aventuras - trabalhar, ver meus parceiros, meus filhos, família - e acabo de ser inesperadamente freada pelo momento!

Gosto de entender os entraves por que passamos. Traduzir  para o lado positivo as adversidades. Senhor me ajude! Tudo o que eu escrevi, sumiu! E os atrasos, ficar estagnada no aeroporto, mais uma noite  nos States?


Vamos dançar na chuva em Los Angeles ou em Dallas se conseguirmos chegar lá hoje.
Talvez à noite seja uma criança e eu aproveite de todas as formas. Talvez fosse necessário parar. Talvez fosse necessário repensar.

Talvez fosse a chance de ver o sol brilhar em Los Angeles de dentro do aeroporto. Contemplar. Na contemplação há muitas descobertas.

No silêncio e nas paradas grandes respostas. Hora de embarcar nas minhas e nas sus perguntas. Será que as coisas são realmente negativas ou podem mudar de perspectiva com outros óculos?

Não diga nada. Vamos passar essa noite e o dia a refletir. Talvez quem saiba possamos retornar com novidades. E boas! Mantenho vocês informados.




Beijos viajantes.

MAIS RECENTES

ASSINE POR EMAIL

Copyright © 50 COISAS ANTES DOS 50 - VERA LORENZO

Todos os Direitos Reservados